TEXTOS & FRASES

2018. Dia 06.

Ano vai, ano vem, e eu fico aqui pensando em todas as escolhas que fiz, e torcendo para que as próximas que eu fizer, me tragam muita felicidade. Que essas escolhas possam me trazer além das alegrias, a sabedoria para aprender a lidar com elas da forma mais positiva, leve e equilibrada. Sim, escolhas desequilibram. Escolhas carregam consigo tanto poder, que podem no mesmo passo leve, pesar a alma e despedaçar o coração. Podem fazer a lágrima cair para suportar o riso, ou para aliviar a alma pesada pela dor.

2018. Dia 6. O que há de vir? Gostaria tanto que você viesse sem pressa, mas para ficar. Que trouxesse consigo mais. Mais um pouquinho do bem. Mais um pouquinho do que é bom. Gargalhadas escancaradas despidas de pudor, olhos visionários sonhadores mas reais, bocas que se abrem para compartilhar felicidade, braços que abraçam, amparam. Pessoas que amam.

Eu quero estar envolvida de amor. Daquele bem simples, prático, sem exigências, Genuíno. Eu quero me encantar com a beleza das flores, com o voar dos pássaros, sentir os raios de sol me envolverem e aquecerem a minha pele. Eu quero sentir o vento soprar. Quero sentir a vida fluindo em cada respiração e batimento do meu coração. Eu quero poder sentir o gosto do sorvete gelado, o estourar da pipoca na panela, do sabor único e prazeiroso do chocolate. Eu quero as pequenas coisas. Mas quero as grandes também.

Quero ter direito de ter tudo. E me encantar também, se por algum segundo, sentir que esse meu tudo é nada. Que o nada, seja a motivação para que eu deseje mais.

Que eu veja 2018, como um ano em que eu vá lutar pelos meus ideais, vá desenterrar meus sonhos e me esforçar para que eles se tornem reais. Que eu entenda de uma vez por todas que independente de viver ano após ano, eu preciso fazer com que o meu hoje valha a pena. Que o agora seja inesquecível. Que eu olhe para o meu ontem e sorria, sorria sabendo que as minhas escolhas foram perfeitas. Que o meu ontem, possa refletir o meu hoje, e encorajar o meu amanhã.

Ano vai, ano vem, e que neste eu leve a mim mesma a algum lugar.

Thaissa Freire

Thaissa Freire

Em terra em que o YouTube e as gigantes de streaming imperam, eu carioca da gema, cristã que sabe que existe SIM, muito amor - e chuva - em São Paulo, não troco as palavras em forma de escrita por nada. Adoro um bom vídeo, piro nos GIFS, mas são os versos que fazem o meu coração refém.

Uma louca apaixonada por letras, Montreal (Canadá), e que faz do Blog das Meninas, o palco de seus sonhos mais doidos, escreve - sempre que a vida permite - sobre suas experiências de viagens, séries, filmes e livros favoritos, receitinhas pois é metida a chef de cozinha, músicas, e o que mais lhe vier à cabeça.
Thaissa Freire

Últimos posts por Thaissa Freire (exibir todos)

You Might Also Like

No Comments

    Leave a Reply