Daily Archives

6 de novembro de 2017

VIAGENS

O amor, chamado Paraty

 Essa semana me lembrei da minha viagem para Paraty. O encanto foi tanto, que o Brasil inteiro deveria conhecer este lugar.

 Paraty fica há 4 horas de São Paulo, é uma ótima opção para o final de semana. Restaurantes, hotéis e passeios eco turísticos são o charme. Sem falar da pegada cult, que sua história em si carrega. Fundada em meados de 1667,  Paraty teve grande importância econômica devido aos engenhos de cana-de-açúcar. No século XVIII, destacou-se como um importante porto por onde se escoava das Minas Gerais, o ouro e as pedras preciosas. O lugar tem MUITA história para contar…

Caminhar por Paraty é dar uma volta ao passado, ouvindo uma boa música ao vivo. Por lá, existem milhares de barzinhos com música ao vivo, museus  etc.. uma delicadeza de lugar.

     

As praias são um pouco distantes, mas vale a pena toda essa lonjura. A ilha de Trindade por exemplo, é um daqueles oásis ecológicos.

Fica aqui uma nota: Não vá à Trindade entre a última semana de Dezembro a segunda semana de Janeiro. Por se tratar de uma ilha de pescadores, Trindade concentra nessa época do ano o dobro de habitantes. Tudo por lá fica uma loucura, pode ser que você não aproveite bem o lugar. 

Os restaurantes são incríveis, e os preços do jeito que a gente gosta: barato e bom! Por lá tem um restaurante, super simples chamado de Galeria do Engenho, que fica na Rua da Lapa, 18, no Centro Histórico de Paraty. Não saia de Paraty sem ir nele.

       

  

Para você não se perder por aí: existem muitos sites que oferecem  traslado até Paraty de forma fácil, saindo das principais capitais perto. São Paulo e Rio de Janeiro oferecem ótimas opções de ônibus por menos de R$100,00.

Dá próxima vez que for a Paraty lembre-se de mim!

Boa viagem!